Quem Somos

Apresentação

A criação de um núcleo de estudos afro-brasileiros e indígenas na UTFPR surgiu em decorrência da necessidade de superação, através de medidas de enfrentamento do racismo, das mazelas derivadas dos quatro séculos de escravidão criminosa no Brasil. Surgiu ainda da necessidade de subsidiar a própria UTFPR na implementação das diretrizes educacionais voltadas para as relações étnico-raciais nos currículos acadêmicos. Os docentes responsáveis pela fundação do NEABI-UTFPR reagia contra a violência racial por meio do aprofundamento e difusão da consciência negra já antes de 2003. Mais tarde, em 2006, formalizou-se institucionalmente o núcleo.

Assim, o grupo visa atender à demanda de projetos acadêmicos que procurem repensar a questão do negro e do indígena como sujeitos da história brasileira. Acrescenta-se a isto o conhecimento assistemático do processo africano, da realidade dos povos indígenas e das relações que se estabeleceram ao longo dos últimos cinco séculos entre a África, os povos indígenas e o Brasil atual. Continuar lendo

Anúncios